Atenção! Esta é a versão 2017-2018 do site do Distrito 4420 e está DESATUALIZADA!
Acesse o site atualizado no endereço:

www.rotary4420.org.br

Use seus dados do Meu Rotary
    
  Lembrar     

Notícias do Distrito   

   

Mutirão da Saúde em celebração ao Dia do Rotary

24/02/2018


Cerca de 1.500 pessoas receberam diversificados atendimentos  
 
No dia 24 de fevereiro, o Distrito 4420, em parceria com os quatro Rotary Clubs da área 3, realizou o Mutirão da Saúde, em celebração ao Dia do Rotary, que completou 113 anos de sua fundação. O evento aconteceu no MSTI Ipiranga, localizado na Rua Comandante Taylor, 1331, Heliópolis, em São Paulo.  
 
Os rotarianos celebram essa data em reconhecimento aos serviços filantrópicos de desenvolvimento social e profissional realizados pela associação na cidade. O mutirão é um evento tradicional realizado pelo Rotary com apoiadores locais. A programação tem duração de um dia, é dedicado à saúde e reúne atividades gratuitas. 
 
Cerca de 100 voluntários divididos entre a ONG Verter (Grupo H. Olhos), ONG Renovatio, UNICID (Universidade Cidade de São Paulo), Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e Associação Pele Saudável realizaram os atendimentos. Os kits utilizados nos testes de diabetes foram doados pelo Hospital São Camilo Ipiranga e Cruz Vermelha, já os kits de hepatite C, foram fornecidos pela ABPH (Associação Brasileira dos Portadores de Hepatite).  
 
A população contou com informações e atendimentos sobre a prevenção de câncer bucal, aferição de pressão arterial, medição de glicemia, teste de hepatite C, exame de diabete, oftalmológico, dermatologia, além de palestras educativas sobre a saúde feminina e masculina. Vale ressaltar, caso o paciente seja diagnosticado com algum problema grave durante a realização do exame, imediatamente, ele será encaminhado a um hospital parceiro da região. “Está sendo maravilhoso, tudo muito rápido e organizado. Aproveitei e fiz um check-up, passando por todos os atendimentos. A saúde está ok, vou divulgar para os meus amigos”, afirma Fabiana Leal dos Santos Lopes.  
 
Segundo o coordenador geral do evento, Álvaro Domingos Sanches, foram realizados 2.677 procedimentos. Dentre eles: 610 atendimentos de diabetes, 635 aferições de pressão arterial, 412 testes de hepatite C, 215 consultas dermatológicas e 48 exames de câncer bucal. No setor oftalmológico, foram realizadas 554 triagens, 302 consultas e cerca de 250 óculos doados. Sendo 123 entregues de imediato, já o restante será entregue num prazo de 20 dias, por tratar-se de lentes mais complexas. “Gostaria de enaltecer o trabalho conjunto da área 3, os presidentes Paulo Lázaro de Moraes – RCSP Vila Mariana, Leonardo Vizentim – RCSP Anchieta, Vania Martines - RCSP Independência e agradecer em especial o governador assistente, Emídio Giacomelli, junto à presidente do RCSP Ipiranga, Alda Montanher. Foram eles que iniciaram esse projeto e me convidaram para fazer parte da coordenação”, declara.  
 
Oftalmologia 
 
O grande destaque do mutirão foram os atendimentos oftalmológicos. Segundo o Censo Brasileiro de Oftalmologia, 85 dos municípios brasileiros não possuem oftalmologista. Dados cedidos pela Fonte Abiótica relatam que 20 da população brasileira, cerca de 45 milhões de pessoas, precisam usar óculos e não sabem. Após essas constatações, foi observado que o problema não está apenas na falta de acesso aos óculos de grau, mas na falta de acesso à saúde visual como um todo.  
 
Pensando nisso, a Renovatio desenvolveu um ônibus oftalmológico equipado com dois consultórios completos com capacidade para atender mais de 200 pessoas por dia. “O impacto é sentido na hora. Em um mutirão como o de hoje,  
o paciente passa pela triagem, consulta com o oftalmologista e já vai para casa enxergando com os novos óculos doados”, revela Josef Slusny. As peças são fabricadas em partes pela ONG alemã OneDollarGlasses, que tem a Renovatio como representante brasileira. “É ótimo para nós que não temos condições. Só a lente da minha filha custa cerca de 300 reais”, revela Kelly Lourenço Ramalho Moreira. Segundo ela, a Beatriz de 12 anos, possui deficiência física e psicológica devido à má formação cerebral em seu nascimento. “A Bia faz tratamento pela AACD, mas como eu perdi o prazo, não consegui receber a armação por lá. Esse mutirão caiu do céu”, declara.  
 
Para o diretor do Grupo H. Olhos, Dr. Marcos Tonelli Gomes, faz parte da missão da empresa participar de forma voluntária em eventos sociais. Ele cedeu os equipamentos oftalmológicos e parte de sua equipe para as realizações dos testes. “Não realizamos nenhuma ação sem a doação de óculos, é um alto custo. Por isso, escolhemos a Renovatio como nossa parceira”.  
 
Segundo Rodrigo Galvão Viana, gestor de responsabilidade social do Instituto Verter, essa já é 25º participação do grupo em um mutirão de saúde. Para a moradora Maria do Destino da Silva, de 52 anos, receber o atendimento completo foi muito importante. “Eu não enxergava de longe, fiz uns quatro exames. É uma oportunidade que estão dando pra gente, além de nos incentivar a procurar o médico oftalmologista”, revela.  
 
Palestras 
 
Foram ministradas palestras sobre a saúde do homem e da mulher. O Dr. Paulo Lázaro de Moraes, oncologista e presidente do RCSP Vila Mariana, abordou sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata. Já a companheira Suehellen Milhomem, falou sobre o câncer de mama, incontinência urinária e saúde do períneo no geral para ambos os sexos.  
 
Vânia Cotinda falou sobre avaliação postural e alongamento, ministrando uma aula prática com os participantes.  
 
Segundo o coordenador do evento, cerca de 60 pessoas comparecem nas palestras, divididos no período da manhã e tarde.  
 
Parceiros 
 
A Sabesp foi um dos apoiadores do evento. Esteve presente durante todo o dia fornecendo água aos participantes. Segundo Carlos Eduardo Hashish, superintendente de Comunicação, as ações sociais efetuadas pela companhia foram intensificadas após a crise hídrica sofrida no Estado. “Os nossos funcionários foram às ruas intensificando as ações e instruindo a população sobre como evitar o desperdício da água. Já realizamos várias ações em parceria com o Rotary, é sempre um prazer atendê-los”, afirma.  
 
MSTI Ipiranga 
 
O Movimento dos Sem Teto do Ipiranga – MSTI foi constituído juridicamente em 12 de maio de 2012. Atualmente conta com a colaboração de aproximadamente 7.000 mil pessoas cadastradas, que participam das atividades de mobilização social, artística e cultural. Eles lutam por melhorias na comunicação entre os órgãos públicos e a comunidade de Heliópolis, realizando por meio de projetos, reuniões e seminários, a aproximação entre a gestão pública e os moradores da região.  
 
Pensando nisso, a companheira Alda Montanher, fez o convite ao presidente do MSTI, David Carlos Silva Garcia, para executar o mutirão de saúde na sede. “Só tenho a agradecer essa parceria. A realização de todos esses exames para a nossa comunidade é muito importante. Conseguir unir moradia com saúde é um grande privilégio. Pretendo continuarmos juntos no próximo ano. Já tenho como meta trazer um caminhão de prevenção ao câncer, já que nesse ano tivemos apenas as palestras”, revela David. Segundo Alda, é uma satisfação para os rotarianos fazer um evento desse porte para a população local. 
 
Rotary Clubs  
 
Os Rotary Clubs São Paulo Anchieta, Rotary Club São Paulo Ipiranga, Rotary Club São Paulo Vila Mariana e Rotary São Paulo Independência participaram da organização e execução do evento junto aos seus presidentes e associados.  
 
 
Rotaract Club 
 
O Rotaract Club São Paulo Independência também fez sua contribuição no voluntariado.  
 
 
 
 
 
Por Natali Fernandes – MTB 0083122/SP 
 
 
 
 

 

 Clique nas imagens para ver o álbum com todas as 75 fotos